segunda-feira, 11 de abril de 2011

Só dá Sebastian Vettel

Muita coisa mudou ao longo desse tempo que fiquei sem escrever sobre Fórmula 1, contudo uma coisa continua a mesma: a superioridade de Sebastian Vettel.

Não se engane, porém, de achar que ele nessas últimas duas corridas deu apenas continuidade ao seu domínio ano passado. O que Vettel mostrou é muito mais que isso. Apresentou um grande amadurecimento que o faz ser ousado quando preciso e cauteloso quando necessário. Neste GP da Malásia, construiu sua vantagem sobre os rivais, soube neutralizar a falta do kers nas voltas finais e não deu qualquer chance para os adversários.

Claro que não se pode fazer qualquer previsão com um número tão pequeno de corridas disputadas, mas se Vettel continuar assim será difícil segurá-lo.

Quem vem apresentando uma inesperada melhora com relação a pré-temporada são os carros da Mclaren. Por mais que ainda seja difícil guiar no ritmo de Vettel, a escuderia conseguiu obter dois segundos lugares com Hamilton, na Austrália, e Button, na Malásia. Resultados que devem ser exaltados.

Contrastando com o bom momento vivido pela Mclaren temos a Ferrari. Quando todos pensaram na pré-temporada que finalmente a equipe italiana iria ter um bom carro, os desempenhos na pista não são nada animadores. Se Fernando Alonso é o mais rápido que Felipe Massa nos treinos, o brasileiro é mais veloz que o espanhol nas corridas, e só não deixa isso mais evidente por conta dos seguidos erros que cismam em assombrá-lo.

Escuderia que vem fazendo um bom início é a Lotus Renault. Superando a ausência de Kubica, Petrov em terceiro na Austrália e Heidfeld mesma posição na Malásia podem ser considerados ótimas surpresas. Com isso, a equipe acaba tomando o lugar da Mercedes, que com Michael Schumacher e Nico Rosberg vêm tendo um desempenho bastante ruim, assim como Rubinho, da Williams, que abandonou nas duas provas.

Curtinhas:

* Sensacional a corrida do japonês Kobayashi, da Sauber, 7º colocado. Com ultrapassagens brilhantes, relembrou os velhos tempos da Fórmula 1 onde piloto bom era conhecido pela ousadia.

* Mark Webber neste início de temporada é o oposto de Sebastian Vettel, seu companheiro de equipe. Com 5º e 4º lugares, o australiano sabe que agora, mais do que nunca, precisa correr atrás do prejuizo na China.

* E a equipe RBR também vem dando show no pit stop. Conseguiu cravar 2.7 na segunda parada de Vettel para a troca de pneus.

Abraços a todos,
Jessica Corais

3 comentários:

Marcelonso 11 de abril de 2011 21:28  

Pois é Jessica,


Vettel continua dominando as coisas na F1, e agora sem o peso de vencer a todo custo, está ainda melhor!

Esse moleque vai pulverizar recordes e mais recordes, é questão de tempo.

abs

Cleber Soares 12 de abril de 2011 15:47  

O que mais me chateia é que a Ferrari só erra prejudicando o Felipe, como é que pode???? infelizmente a cada dia que passa tenho menos prazer em essistir F1.

BLOG DO CLEBER SOARES
www.clebersoares.blogspot.com

Maria Olívia 15 de abril de 2011 21:34  

Sempre gostei da F1, mas as corridas estão chatas, só o Vettel ganha. A Red Bull passeia em todos os grandes prêmios e a Ferrari corre atrás do prejuízo. Um abraço

  © Blogger template 'Solitude' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP